Você acabou de comprar um apartamento, mas acha que ele está precisando de uma reforma para aproveitar melhor o espaço? Ou, de repente, você já tem o seu apê há tempo, mas quer dar uma cara nova pra ele?

É comum que as pessoas tenham dificuldade em fazer reforma de apartamento e não saibam por onde começar ou quais profissionais contratar.

Por isso, resolvemos fazer um artigo para ajudar você, que está com a constante preocupação: “Reforma de apartamento: por onde começar?”. Aproveite o conteúdo.

De antemão, já vamos falar que você precisa seguir alguns passos, dependendo do tipo de reforma do apartamento que queira fazer. Por exemplo:

  • De acordo com a norma ABNT, é necessário elaborar um plano de reforma com um profissional (engenheiro ou arquiteto);
  • Entregar o plano para o síndico e outros documentos exigidos pela Prefeitura e Corpo de Bombeiros (que são órgãos de fiscalização);
  • Depois da autorização do síndico, você pode solicitar que coloquem a placa que informa o responsável técnico.

Como você viu, para fazer a reforma do apartamento, é necessário contratar um profissional. Isso é fundamental e é o primeiro passo. Agora, nos próximos itens, vamos te mostrar de uma vez por todas como o projeto de arquitetura te ajuda a reduzir desperdício e a economizar na obra.

 

1. Contrate um arquiteto

Já falamos em um outro artigo sobre a importância de contratar o arquiteto, mas vamos ressaltar alguns pontos aqui também:

  • Conhece lojas mais em conta;
  • Tem noção das tendências;
  • Sabe como aproveitar os espaços;
  • Tem conhecimento de questões técnicas;
  • Reduz os custos de reforma em espaços pequenos.

Isso tudo porque o arquiteto é o profissional que vai fazer a reforma do apartamento pensando não só em estruturas do local, mas também em ocupações diversas dos espaços que tem em casa.

Muitas pessoas, quando entraram em contato com os arquitetos da ArqDrive, acabaram dispensando muitos dos custos que teriam em aumentar o lugar, porque receberem projetos que aproveitavam os espaços vazios.

 

2. Reúna as informações do local

Algumas informações importantes que você deve considerar são:

  1. Alvenarias, estruturas, paredes de gesso;
  2. Louças, metais sanitários e louças;
  3. Instalação de gás;
  4. Exaustão e complementares, elétrica e ar condicionado.

Essas e outras informações geralmente estão no Manual do Edifício e são importantíssimas antes da reforma do apartamento para não dar dor de cabeça ao longo da obra.

Por isso, ninguém deve ver essas informações sozinhos, mas considerar a opinião de um arquiteto sobre o local e sobre o que podem fazer na reforma do apartamento para ter o resultado esperado, seguindo as normas do edifício.

 

3. Procure algo que você já goste

Claro que o arquiteto é preparado para te ajudar a fazer reforma de apartamento com as mudanças necessárias, construindo um ambiente mais harmônico.

Porém, é importante que você já tenha uma ideia do que precisa fazer na sua reforma de apartamento, de forma que o resultado fique de acordo com o seu gosto.

Procurar alguns projetos na internet pode te ajudar a economizar tempo na hora de montar o seu projeto e também ter uma ideia melhor de por onde começar.

Para ajudar, você pode fazer uma listinha por cômodo do que gostaria de melhorar e, no fim, procurar ideias que tenham características pessoais importantes.

Pense bem, você está investindo no seu lar, então, é importante que ele fique de muito bom gosto, agradável e com uma aparência que combine com você.

 

4. Confira os projetos que ele já fez e faça uma reunião detalhada

Uma dica muito importante que nos sentimos obrigados a falar é: não faça orçamentos e feche com alguém por simplesmente ser mais barato.

Escolha a relação custo-benefício sempre. E para ter uma ideia do que vai ganhar contratando o arquiteto para fazer a reforma do apartamento, você precisa ver os projetos que ele já fez.

Depois que ver que ele realmente é bom e pode te ajudar nos projetos da maneira que precisa, faça uma reunião detalhada para garantir a precisão do projeto.

P.S.: Caso queira ver alguns projetos da ArqDrive, pode clicar aqui.

 

 

5. Participe do seu projeto ativamente e gerencie o orçamento da obra

Imagem: Bidvine

Uma das principais dicas pra começar a reforma do seu apartamento é participar ativamente do projeto.

Faça a reunião e aguarde até que o arquiteto monte o projeto de acordo com o que você pediu. A partir daí, não perca a oportunidade de olhar bem o projeto montado e opinar sobre os detalhes que te agradam ou não, de forma a garantir que o resultado faça sentido pra você.

E claro que não tem como ficar “chorando preço” de tudo, mas é importante que você acompanhe os gastos para não ter surpresa depois.

Um outro ponto é que, tendo um bom arquiteto do seu lado, além de poder ser mais econômico, é uma garantia maior de que o resultado da reforma de apartamento seja exatamente o que você esperava, se não for melhor.

Quer saber mais sobre como encontrar um bom arquiteto e quais serviços pode contratar? Clique aqui e conheça os nossos serviços.

 

Escrito por:


Josias Pulquério
CEO | Fundador
ArqDrive – Arquitetura Virtual